Nossa vida e nossas rotinas exigem uma alimentação saudável, e estamos o tempo nos vigiando e cuidando para não ter uma alimentação rica em gorduras, frituras, refrigerantes e excesso de doces. Uma alimentação saudável nos faz ter mais energia e rendimento no dia-a-dia, principalmente se alinhado à atividades físicas diárias. E para aqueles que praticam atividades em academias, você sabia que é essencial ter uma alimentação saudável para ir à academia?Alimentação Saudável para ir à Academia

Alimentação saudável para ir à academia

Não se alimentar antes de malhar é uma prática comum das pessoas que estão começando a incluir atividades físicas na sua rotina. Essa falta de alimentação pode levar o atleta amador a ter tonturas, hipoglicemia (que é a queda de açúcar no sangue), e até mesmo levar a desmaios. Uma alimentação saudável para ir à academia é essencial para o desempenho, pois dá energia suficiente para que as atividades sejam realizadas a todo vapor.

Para aqueles que costumam ir à academia logo de manhã cedo, ou para aqueles que preferem ir ao final do dia, a dica é se alimentar bem e ir à academia apenas 45min a 1h após ingerir a refeição.

Opção de cardápio

Segue alguns itens que podem ter no seu cardápio como alimentação saudável para ir à academia, ricos em carboidratos, para dar mais energia às atividades:

  • pão integral Alimentação Saudável para ir à Academia
  • frutas como laranja e maçã
  • iogurtes naturais
  • biscoitos sem recheio
  • ovosAlimentação Saudável para ir à Academia

Pós treino

Muitas pessoas se preocupam como ter uma alimentação saudável para ir à academia, mas não se preocupam com a alimentação pós treino, que é tão importante quanto. Essa alimentação deve ser feita logo em seguida, no máximo 1h após o final da atividade. Um prato de massa integral sem molho e um filé de frango é uma dica de prato, além de ser delicioso, é rico em carboidratos e proteínas, essencial para reposição da energia gasta durante o treino. Consulte um nutricionista ou profissional de saúde para que ele possa fazer uma avaliação, e assim entender melhor suas necessidades individuais e dizer se há algum tipo de restrição alimentícia referente ao seu objetivo ao treinar; ele também deverá solicitar alguns exames essenciais, e saber seu histórico familiar e questões que variam de pessoa para pessoa, como retenção de líquido ou intolerância a lactose, por exemplo. Uma alimentação saudável aliada a atividades físicas são garantias de um corpo mais saudável.